E aquele número estranho era o seu. E aquela voz do outro lado era a sua. E quando tive chance não consegui falar nada daquilo que tinha planejado. As palavras me fugiram da mente. As frases feitas desapareceram. E vieram as borboletas, aquelas que ficam dentro da barriga da gente. Tanto tempo depois, e ao mesmo tempo há tão pouco. Tantas coisas aconteceram que mudaram nossas vidas pra sempre. Mas você não mudou nada. Vou desligar, tá?!



Eu estou exatamente onde Deus quer que eu esteja!

Paz e Bem!


1 comentários:

Alinee disse... Responder

Quando tudo tá ruim vc não deve se perguntar "PQ?", e sim "pra que?".

Com ctz a resposta vai ser melhor.


;*

Deixe um comentário

Bem-Me-Quer, Mal-Me-Quer

^
Segredos de Travesseiro © 2012 | Layout por Kakau com Limão | Ilustração por Desi.