Subo o meu olhar desconfiado vagarosamente sobre o muro. Um muro feito do meu medo e alicerçado com alguma esperança. Tento me proteger permanecendo escondida por detrás dele. Vejo a minha verdade bem ao longe, indo de encontro ao infinito e correndo sobre o horizonte. E já começo a sentir o cheiro de saudades futuras que vêm com esses dias meio quentes e sempre frios. Despedir-se é coisa importante, sabia?! E eu queria aquele beijo que você levou sem avisar. Queria te entregar o seu abraço que ficou aqui. Queria te devolver o desassossego que você esqueceu dentro do meu peito. Queria pegar de volta o meu equilíbrio, que te dei de presente. Agora só me resta voltar a pensar em tudo como um sonho bom que se foi. Passou. Voou.





.





"São as coisas que você não diz que me matam de medo"
Ana Carolina



Paz e bem!

13 comentários:

C. disse... Responder

Tb acho importante as despedidas, pq lembra reencontro, matar saudade, recomeço, o estar junto mais uma vez.

Camila Menezes disse... Responder

Gabii!
Também queria de volta o equilíbrio e um pouquinho de sossego!rs
E concordo plenamente com: "São as coisas que você não diz que me matam de medo"!
Tambémteadorogabrielacastro!
=*

Moça do Fio disse... Responder

Pode ter volta, ou não? Se não, ao menos ficou a boa lembrança.

Isso, ninguém pode tirar de você.

Beijo.

Jonathan Flexa disse... Responder

O que seria esse muro literalmente?

Michele Hubner disse... Responder

vc deveria subri no muro e ir correndo recuperar tudo isso.

Solange Maia disse... Responder

Gabriela,

Você PRECISA escrever um livro...
É linda tua maneira de colocar a vida "no papel", "na tela", que seja...
Linda demais...

Amo vir por aqui....


Um beijo especial,

Solange

http://eucaliptosnajanela.blogspot.com

UMA PAGINA PARA DOIS disse... Responder

Amigo é aquela pessoa que o tempo não apaga,
que a distância não esquece,
que a maldade não destrói.

É um sentimento que vem de longe,
que ganha lugar no seu coração
e você não substitui por nada.

É alguém que você sente presente,
mesmo quando está longe...
Que vem para o seu lado quando você está sozinho
e nunca nega um sentimento sincero.

Ser amigo não é coisa de um dia,
são atos, palavras e atitudes
que se solidificam no tempo
e não se apagam mais.
Que ficam para sempre como tudo que é feito
com o coração aberto.

Um bom domingo e uma semana cheia de amor e carinho para você e toda tua família
Um abraço do amigo
Eduardo Poisl

Thaís Butterfly εїз disse... Responder

aiiii...

É tão ruim dizer tchau pra quem se ama .. sempre sobra ou falta alguma coisa, sempre existem os telefonemas só pra dizer que se ama!

Paula disse... Responder

Lindo texto. Cheio de vida e sobretudo de alma.

Me lembrou de uma música da Marisa Monte:
"Apagaram tudo, pintaram o muro de cinza, só ficou no muro, tristeza e tinta fresca".

Jéssica Lima disse... Responder

Este comentário foi removido pelo autor.
Jéssica Lima disse... Responder

Despedidas são dolorosas, ainda mais quando a gente acha que ainda é cedo dizer adeus, a gente sempre acha que é cedo demais, e ai fica esse sentimento de perda.. essa saudade que dói, mas passa. Ficam as lembranças, e isso linda, ninguém tira de você!
Adoro seus textos, concordo contigo, somos parecidíssimas!
Boa noite.

Flores Atiradas disse... Responder

Que liinda, adorei seu Blog.
vou passar aqui sempre (:
Bejo Flor

Flores Atiradas disse... Responder

Ah, que bom que você gostou, espero que volte ok ?
Pois é, elas resolveram dar uma voltinha sem hora pra chegar.
Mas logo elas sente saudade e voltam para o meu lar.

rs Beijos flor

Deixe um comentário

Bem-Me-Quer, Mal-Me-Quer

^
Segredos de Travesseiro © 2012 | Layout por Kakau com Limão | Ilustração por Desi.