Ilha


Pudera eu, nessa vida, ser alguém menos permeável. Tudo me alcança, me toca, me arrebata e me impregna os poros. Sou atingível. Sou uma pequena coletânea de possíveis. Sou ilha em meio ao mar de amores imperfeitos e perdidos. Terra à vista, mas aceito pagamento a prazo: infinitas parcelas de amor verdadeiro. É pegar ou largar. 








Paz e Bem!

10 comentários:

Silvana Alves disse... Responder

um "doce" cheio de novidades no blog... to amando, beijokas

Laís Pâmela disse... Responder

Deus, que lindo.
Adorei, adorei !
Adoro colecionar os amores possíveis, imperfeitos e perdidos.

Amei, amei.

Beijo.

Carlinha disse... Responder

pudera eu também viu Gabi
Posts quase todo dia?? hauhauhauha to amando!

ps:voltei com o blog, por enquanto!

Rafaelle Melo. disse... Responder

Somos todos ilhas...e que alegria quando com a graça da poesia podemos ser por alguns instantes continente.

Lindo, moça!
Beijo meu!

Cecília Ferreira disse... Responder

Tão suave e tão verdadeiro... somos querendo ou não ilhas em busca de alguém pra pagar por uma quantia rara e doce de amor. Lindo!
Beijos

Flor disse... Responder

Lindo como sempre, Gabi.

Tenho uma lista de amores não eternos. Quero agora um que seja pra vida toda, ainda que eu surte toda hora.
Parcelo o pagamento pela eternidade.


Beijos, amo você!

Heron Xavier disse... Responder

Que texto lindo Gabriela. Apaixonei pelas palavras escritas.

Sou novo no blog e já virei seguidor.

Abraço. Ah, linda estética do blog.

Stéphanie Oliveira disse... Responder

Que texto lindo, também sou assim!!

http://tvfabulous.blogspot.com

Beijinhos

Ana Paula Borges disse... Responder

Lindo lindo lindo!

Mara Ribeiro disse... Responder

Ser verdadeira é isso e não é pra todo mundo não...tem que ter coragem.
Lindo seu canto, já estou seguindo, venha conhcer o meu também.
Bjo no coração.

http://www.umcantonocoracao.blogspot.com/

Deixe um comentário

Bem-Me-Quer, Mal-Me-Quer

^
Segredos de Travesseiro © 2012 | Layout por Kakau com Limão | Ilustração por Desi.