Sobre Nós


Você me toma emprestada e me devolve junto com a certeza de que me pertenço e que o desatino de viver, vale a coragem para ser quem sou. Você me admira inclusive e apesar dos meus despropósitos, distrações e do meu gosto musical antigo. Você me percebe e me enxerga além do olhar, além de mim, além mar. Gosto do que sou pelos seus olhos, do que me transformo pelos seus sentidos, de ser traço sem conclusão, de ser menina-mulher - a sua - ainda que quase-nada, ainda que quase-sempre, se não fosse pelo quase, eu seria um tudo. Apesar de. E, numa loucura boa, eu aprendi a gostar do hoje e a apreciá-lo se transformar em ontem, enquanto o amanhã vem dando as caras com cheirinho de agora. Seu Moço, olha só o que eu percebi: a minha vida fica melhor quando você está aqui. 


5 comentários:

Luzia Medeiros disse... Responder

Com tantas palavras bonitas, com certeza, esse moço te completa, não é mesmo?

E quando o amor acontece não há como disfarçar, pois escorre pelo olhar, e ultrapassa tudo.

Amei o texto, Gabriela!

Beijos.

Gislâne Louseiro disse... Responder

lindo !! adorei esse texto !!
Beijos Gabi, estou sempre por aqui <3

Hellen Hosseini disse... Responder

Que lindo, quanta sensibilidade esparramada por aqui...

Camila Vieira disse... Responder

Lindas palavras,Gabriela.Texto cheinho de amor!
Também escrevo,gostaria de convidá-la a me fazer uma visita - coragensabsurdass.blogspot.com.br/ -Espero que eu não esteja incomodando.Um beijo grande e um ótimo 2013!

Vanessa_Oliveira disse... Responder

FELIZ ANO NOVO QUERIDA.
Que a vida seja só sorrisos nesse ano que logo se inicia.
Muita saúde, amor e sabedoria.
beijo grande ****

Deixe um comentário

Bem-Me-Quer, Mal-Me-Quer

^
Segredos de Travesseiro © 2012 | Layout por Kakau com Limão | Ilustração por Desi.